NO MEIO DA TEMPESTADE
O Senhor é o Deus eterno, o Criador de toda a terra. Ele não se cansa nem fica exausto; sua sabedoria é insondável. ISAÍAS 40.28

Tudo que escrevo aqui, tem relação com a minha pessoa, com as experiências que tenho com Deus Pai…e tudo que escrevo aqui é no sentido de compartilhar aquilo que me confortou e me conforta a alma, sempre na esperança de que alguma alma, por ai, também encontre conforto. (Leonor Fernandes)

(Texto de Max Lucado)
Deus se envolve com as coisas! Mares vermelhos. Grande peixe. Cova de leões e
fornalhas. Negócios falidos e celas de prisão. Desertos, casamentos, funerais
judaicos e tempestades na Galileia. Olhe e você encontrará o que todo mundo, de
Moisés a Marta, descobriu. Deus no meio de nossas tempestades. Isso inclui as suas. Durante os dias em que este livro era escrito, uma jovem morreu em nossa cidade. No funeral, o sacerdote oficiante falou sobre uma lembrança comum aos dois. Por vários anos ela viveu e trabalhou na cidade de Nova York. Devido à longa amizade entre eles, ele permaneceu em contato constante com ela via e-mail. Bem tarde, numa noite, ele recebeu uma mensagem indicativa da presença persistente de Deus. Ela passou direto da estação de metrô em que deveria descer. Quando percebeu o erro, ficou sem saber o que fazer. Orou pedindo segurança e algum sinal da presença de Deus. Afinal, a vizinhança era barra pesada; não era hora nem lugar para uma mulher atraente passar sozinha. Naquele momento, as portas se abriram e um sem-teto maltrapilho entrou no trem e caiu bem perto dela. “Deus? O Senhor está por aqui?”, orou ela. A resposta veio por meio de uma música. O homem tirou uma gaita e tocou o hino “Be Thou My Vision” [Sê minha visão] — o hino favorito de sua mãe.  A música foi suficiente para convencê-la. Cristo estava ali, no meio de tudo aquilo.

Salvador precioso, há dias em que as tempestades da vida parecem inundar o
pequeno barco da minha vida. Sinto-me como se fosse afundar debaixo das ondas
de provações, desapontamentos e desânimo. Que eu nunca me esqueça de que tu
estás bem ali no meio das minhas tempestades. Tu podes proclamar paz aos
problemas. Tu podes acalmar o caos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s