“Você pode cuidar da minha mãe?” É claro que sim. Amigo é para essas coisas.

Um amigo de Jesus  – (Texto de Max Lucado)

Gosto de João especialmente pela maneira como ele amava a Jesus. Seu relacionamento com Cristo era, mais uma vez, bastante simples. Para João, Jesus era um bom amigo com um bom coração e uma boa ideia. Um contador de histórias de conto de fadas com uma promessa no final do arco-íris. Alguém pode ter a impressão de que, para João, Jesus era, acima de tudo, uma companhia leal. Messias? Sim. Filho de Deus? De fato. Milagreiro? Isso também. Porém, mais do que qualquer outra coisa, Jesus era um camarada. Alguém com quem você poderia acampar, jogar boliche ou contar as estrelas. Simples. Para João, Jesus não era um tratado sobre ativismo social nem constituía uma licença para jogar bombas em clínicas de aborto ou para viver no deserto. Jesus era um amigo. Ora, o que você faz com um amigo? (Bem, isso também é bastante simples.) Você fica junto dele. Talvez seja por esse motivo que João foi o único dos doze a ter ficado junto àcruz. Ele veio para dizer adeus. Ele mesmo admitiu que ainda não havia entendido tudo. Mas isso realmente não importava. Para ele, seu amigo mais próximo estava em dificuldades, e ele estava ali para ajudar. “Você pode cuidar da minha mãe?” É claro que sim. Amigo é para essas coisas. Agora cremos […] pois nós mesmos o ouvimos e sabemos que este é realmente o Salvador do mundo. (João 4.42)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s