Quando a alma se desnuda a aparência não resiste..

aparencia


Dias atrás encontrei, no corredor, uma menininha que também mora aqui no prédio e ela me disse: _Nossa! sua casa é tão bonita do lado de fora… sorri e agradeci.

Depois quando entrei em casa fiquei pensando sobre o que a menininha havia dito… Primeiro achei encantador o seu comentário depois comecei a pensar: _minha casa por dentro também é bonitinha, mas ai teve inicio um turbilhão de pensamentos e passei a enxergar nesse simples elogio dessa menininha encantadora outro aspecto da questão – o viver de aparências – e esse pensamento me levou a lembrar duma palavra de Jesus que diz assim:

“… Ai de vocês, fariseus, e líderes religiosos – fingidos! Vocês são tão cuidadosos em limpar a parte de fora da taça, mas o interior está imundo de exploração dos outros e de cobiça. Fariseus cegos! Limpe primeiro o interior da taça, e então ela inteira ficará limpa…” (Se tiver interesse de saber mais leia Mateus 23)

E desde esse dia ando examinando a minha taça por dentro e comecei a fazer perguntas a minha pessoa…

Tenho vivido de aparências?

A minha casa interna como anda? Limpa e arrumada? Ou suja e bagunçada?

Tenho realmente praticado aquilo que tanto falo?

Tenho me amoldado ao sistema do mundo ou tenho tentado ser uma pessoa nova e diferente a cada dia mostrando uma sadia renovação em tudo quanto faço e penso e aprendendo de experiência própria, como os caminhos de Deus realmente me satisfazem? (palavras na carta aos Romanos)

Tenho me calado diante das injustiças sociais ignorando o clamor dos necessitados, seja que necessidade for?

Tenho me omitido para agradar pessoas? E me esquecendo de agradar a Deus?

Tenho mentido para fugir a responsabilidades assumidas?

Tenho sido hipócrita e fingida?

Pois é! Muitas perguntas. E muitas respostas que dei a mim mesma me chocaram, mas a “faxina” está valendo a pena.

Quando o confronto com as “mazelas” da nossa alma é sincero e guiado por Deus Pai através da oração e pedindo a sua ajuda, sempre dará bons resultados.

Demora, é dolorido, é extremamente desconfortável e muitas vezes causa vergonha, mas não tem preço o alivio e a paz que se segue.

Sabe por quê? Simplesmente porque os olhos começam a enxergar o cumprimento das promessas de um Deus que é Pai, que nos aceita do jeito que somos, mas nunca permiti que prossigamos do mesmo jeito.

Desde que permitamos.

Desde que exista dentro de nós o desejo verdadeiro da mudança, da renovação, do abandono dos caminhos maus. (… Mas se confessarmos os nossos pecados a Ele, podemos confiar que Ele nos perdoa e nos purifica de todo erro. E é perfeitamente correto Deus fazer isto por nós porque Cristo morreu para levar os nossos pecados….) palavras  na 1ª carta de João

Desde que peçamos a sua ajuda nessa difícil tarefa de RENOVAÇÃO da mente.

Desde que peçamos a sua ajuda nessa difícil tarefa de DEIXAR UMA VIDA DE APARÊNCIA para a CONSTRUÇÃO DE UMA VIDA REAL sem a falsa aparência da religiosidade, sem a falsa aparência da ostentação ou da falsa humildade.

Sem a falsa aparência de um cristianismo “capenga”, onde o poder de Cristo é trocado por um falso poder de um amuleto que se pendura em qualquer lugar da casa.

Quando estamos dispostos a sermos confrontados pelo evangelho puro e simples do Senhor Jesus Cristo… Ele sempre irá nos ajudar a sermos pessoas melhores do que somos…

Fica ai a sugestão para quem estiver disposto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s