À igreja de Laodicéia do séc 21 – Reveja seus conceitos….

É necessário rever

É necessário reformar…de Novo…

“…Escreva esta carta ao líder da igreja de Laodicéia: Esta mensagem vem daquele que permanece firmei, a Testemunha fiel e verdadeira (de tudo o que é, ou foi, ou será em qualquer tempo), a fonte primitiva da criação de Deus:
Eu o conheço bem – você nem é quente nem frio; eu desejaria que você fosse ou uma coisa ou outra! Porém já que você é meramente morno, eu o cuspirei para fora da minha boca! Você diz: “Eu sou rico, tenho tudo o que necessito; não preciso de coisa nenhuma”. E não percebe que espiritualmente você é um desgraçado, um miserável, um pobre, um cego e um nu. O meu conselho a você é que compre de mim ouro puro, ouro purificado pelo fogo – só então você será verdadeiramente rico. E que adquira de mim Vestes brancas, limpas e puras, para que não fique nu e envergonhado; e que obtenha de mim remédio para curar os seus olhos e devolver-lhe a sua vista. Eu corrijo e castigo constantemente todo aquele a quem amo; portanto, devo castigá-lo, a menos que você abandone a sua indiferença e se torne um entusiasta das coisas de Deus. Atenção! Eu tenho permanecido à porta e estou batendo constantemente. Se alguém me ouvir chamá-lo e abrir a porta, eu entrarei e farei companhia a ele, e ele a mim…” Ap 3:14-20

“Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.”

Muito Mais  João Alexandre

“Muito mais do que ver é preciso viver
Muito mais do que ouvir é preciso sentir
Demonstrar o amor é fazer como Deus
Que desceu lá do céu e entre nós se envolveu.Muito mais que viver é preciso se dar
Muito mais que sentir é preciso lutar
Repartir o pão, estender a mão
Transformando a fé numa grande missão.Fome de luz, fome de pão
Fome de amor, fome de paz
Todo homem sem Deus não tem vez nem razão
É um escravo da fome a mais.

Muito mais que fugir, bem pior é negar,
Muito mais que não ver, bem pior se omitir
Demonstrar o amor é fazer como Deus
Que se fez como nós se entregou e morreu.

Como ouvir e negar? Somos todos mortais.
Como ver e não ver? Somos todos reais.
Muitos têm tão pouco e outros têm demais
E perante Deus todos somos iguais.

Fome de luz, fome de pão
Fome de amor, fome de paz
Todo homem sem Deus não tem vez nem razão
É um escravo da fome a mais. ”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s